Imagem de destaque CUIDANDO COM AMOR - LAR DAS VELHINHAS

CUIDANDO COM AMOR - LAR DAS VELHINHAS


       ​​

IMPOSTO SOLIDÁRIO

Ainda dá tempo de você destinar parte do seu imposto

 

CENTRO FEMININO DE LONGA PERMANÊNCIA” LAR DAS VELHINHAS”

OBJETO DA PARCERIA

Promoção da Acessibilidade, sustentabilidade e mobilidade, na melhoria da qualidade das pessoas idosas, por meio da adequação de ambientes. Reforma do estoque de alimentos e aquisição de utensílios de cozinha e eletrodomésticos, para cozinha, promovendo o espaço gerando bem-estar e benefício à saúde das idosas institucionalizadas.

IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO

Título do Projeto :“Cuidando com Amor”

DESCRIÇÃO DA REALIDADE

O Centro Feminino de Longa Permanecia “Lar das Velhinhas” é uma entidade civil, filantrópica, sem fins lucrativos, de cunho social, que presta Serviço de Acolhimento Institucional para pessoas idosas gênero feminino

dando-lhes assistência alimentar, fornecendo-lhes atividades recreativas, abrigo e proteção.

Cabe ressalta que atualmente o Lar das Velhinhas acolhe 66 (sessenta e seis) mulheres dentre as quais 30 (trinta) encontram-se acamadas necessitando de cuidados ininterruptos. Fundada em 1922, a entidade possui uma infraestrutura antiga, contudo no decorre dos anos vem adequando o seu espaço físico. As adequações se fazem necessárias para atender as normas gerais e critérios básicos para promoção da acessibilidade, considerando as legislações existentes. 

O objetivo primordial deste projeto é proporcionar um serviço de qualidade as assistidas dando prioridade a adequação do estoque de alimentos, aquisição de eletrodomésticos, utensílios domésticos, visto que está adequação é uma exigência do Ministério Público através de um Termo de ajustamento de conduta-TAC assinado em 24/05/2018 IC n° MPMG0433.17.001605-2. A captação deste recurso é de extrema relevância, para atendemos ao termo da legislação de regência especificamente, como também aprimoramento do serviço, melhoria na qualidade do serviço ofertado.

Devido as dificuldades rotineiras, financeiras que a entidade vem frequentando, esse recurso pode de maneira relevante e colaborativa contribuir para  apoiar na realização do nosso trabalho, participando efetivamente da minimização das necessidades daquelas que não dispõem de recursos suficientes.

JUSTIFICATIVA

O processo de transição demográfica que hoje o Brasil atravessa em ritmo acelerado se associou, em diversos países, ao aumento da demanda por instituições de longa permanência. A correlação multicausal entre estrutura etária da população e demanda por instituições de longa permanência para idosos é determinada pelo perfil social e de saúde. Idosos residentes na comunidade nas principais capitais brasileiras apresentam alta prevalência de fatores de risco para institucionalização: doenças crônico-degenerativas e suas sequelas, hospitalização recorrente e dependência para realizar atividades da vida diária.

A drástica queda da taxa da fecundidade reduz a disponibilidade de cuidadores domiciliares. Efeito tardio da transição demográfica, a redução do potencial de cuidados providos pelas mulheres em média 68%, entre 1960 e 1990, em alguns países europeus deverá o processo ocorre de modo ainda mais rápido do que Brasil. A participação feminina no mercado de trabalho retira do domicílio a figura tradicionalmente convocada para os cuidados dos pais ou sogros. Novos arranjos familiares mulheres sós, mães solteiras, casais sem filhos, filhos que emigraram reduzem a perspectiva de envelhecimento em um ambiente familiar seguro. Fatores de risco para a institucionalização como morar só, suporte social precário e baixa renda (associada à viuvez, aposentadoria, menor oportunidade de empregos formais e estáveis e aumento dos gastos com a própria saúde) são cada vez mais frequentes no Brasil.

A "transição social" que aumentou as taxas de institucionalização em outros países também tem ocorrido no Brasil, não diferente na região sudeste, em Montes Claros, município norte mineiro o cenário ainda se torna mais agravante já que a região enfrenta além das diversas mudanças supracitadas a realidade  das famílias norte mineira nos mostra que existem famílias com as mais diversas situações socioeconômicas que induzem à violação dos direitos de seus membros, em especial, idosos e pessoas com deficiência, além da geração de outros fenômenos como, por exemplo, pessoas em situação de rua, migrantes, idosos abandonados que estão nesta condição não pela ausência de renda, mas por outras variáveis da exclusão social. Percebe-se que estas situações se agravam justamente nas parcelas da população onde há maiores índices de desemprego e de baixa renda dos adultos.

A institucionalização do idoso em serviço de acolhimento institucional tem sido a única alternativa em certas situações, ausência de vínculos familiares; as limitações físicas, a insuficiência financeira para pagar cuidador domiciliar, estágios terminais de doenças e níveis de dependência muito elevados; aumento da violência contra idosos. Tal subjetividade transforma a decisão de institucionalização a única opção de proteção provida pelo tripé família-Estado-sociedade.

Visto o aumento da demanda pela a institucionalização, crescente da população idosa, e o número restrito de instituição de longa permanência no nosso município que atualmente conta apenas com 03 Unidades de acolhimento institucional, a dificuldade do atendimento de toda população idosa quem tem necessitado do serviço. O município não possui ainda Serviço de acolhimento institucional público, as 03 entidades existentes são privadas com fins públicos (filantrópicas) para pessoa idosa o que demostra a necessidade e importância deste projeto em aprimora o serviço prestado por estas entidades.

O centro feminino de longa permanecia “Lar das Velhinhas” é uma entidade filantrópica, sobrevive da participação de 70% dos recebimentos das acolhidas, bem como doações da comunidade, está entidade enfrentam dificuldade financeira para cumprir com as demandas existentes. Atualmente são 66 idosas, que recebem 06 refeições diárias, cuidados de higiene, saúde, fisioterapêutico, psicológicos, ações recreativas. Para o desenvolvimento deste serviço a

entidade conta com 43 profissionais. O atual cenário econômico brasileiro de crise também afetou a entidade que teve uma queda nas doações diminuindo a receita. A captação deste recurso é relevante para o aprimoramento da entidade em adequar o seu espaço físico, aquisição eletro domésticos e utensílios promovendo o serviço da área de  alimentação e nutrição.

Cabe ressalta que a adequação da estrutura física, aquisição dos eletrodomésticos e dos utensílios terá impacto na qualidade do serviço prestado, beneficiando não apenas as 66 idosas atualmente acolhidas mas futuramente as demais que vierem a ser acolhidas neste serviço.O Centro Feminino de Longa Permanência tem se esforçado em adequar seus espaços físicos, realizando campanhas, sorteios. Porém esse esforço é insuficiente para adequar e aprimorar os serviços prestados. Por isto se faz necessário um esforço massificado de toda sociedade, poder público e sociedade no atendimento as demandas da população idosa.

PÚBLICO ALVO

66 (sessenta e seis ) idosas institucionalizadas .

ÁREA DE ABRANGÊNCIA

Abrange todo o município de Montes Claros e ás vezes alguns municípios do Norte de Minas, quando há vagas e a idosa esteja em situação de vulnerabilidade social.

METAS E INDICADORES

METAS

ESPECIFICAÇÃO

ETAPA/ ATIVIDADES

INDICADOR

MEIOS DE VERIFICAÇÃO

DURAÇÃO DA META

 

INICIO

FIM

01

Segurança, melhoria do espaço

 

Atividade 01

Aquisição dos bens e instalação

 

Relação de Itens orçados

Relatórios fotográfico e Notas fiscais ou recibos

Novembro

2019

Fevereiro

2020

Atividade 02

Adaptação física, assentamento de do piso cerâmico, pintura das paredes.

Serviço de Adaptação física, assentamento de do piso cerâmico, pintura das paredes.

Relatórios fotográfico

Atividade 03

Montagem das prateleiras de aço inox

Serviço de Montagem das prateleiras de aço inox

relatórios com registros fotográficos e notas ficais ou recibos

02

Reaparelhamento da cozinha

 

Atividade 01

Compra dos eletrodomésticos e utensílios domésticos

Relação de Itens orçados

Recibos

Novembro

2019

Fevereiro

2020

Instalação dos itens adquiridos

Serviço de Instalação

Relatórios fotográfico

 

FUTURO DO PROJETO

Com o término da parceria firmada, o recebimento dos recursos e aquisição dos produtos descriminados no projeto, realização da reforma e instalação, o uso dos equipamentos, o que impactara de forma relevante o serviço do setor de alimentos, priorizando a segurança alimentar das 66 idosas acolhidas na instituição. O centro feminino de Longa Permanecia está aberto a colaboração de parceiros, privados públicos para o prosseguimento dos demais setores que necessitam se reformados como a nova enfermaria que terá 11 leitos para promover o atendimento as idosas que já residem na entidade bem como está receptiva a colaboração das diversas despesas que a entidade possui, visto que é alto o custo deste serviço.

 

TERMO DE FOMENTO 133/2019

 

Brasão Marco Regulatorio
É assim, com honestidade e trabalho, que a cidade voltou a funcionar!

Av. Cula Mangabeira, 211 - Centro - CEP: 39.401-002 | Montes Claros - MG-Brasil